quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

Não Desejos de Fim de Ano


Diário de uma cearense que não deseja e deseja...


Não desejo que Deus possa fazer qualquer coisa que seja por você... pois isto seria ridículo. Ele pode! O seu poder é ilimitado, quem limita Deus é a nossa mediocridade. Desejo, então, que você queira a Sua bênção, que você queira a Sua doce presença, o Seu amor.

Não desejo uma note de Natal maravilhosa, cheia de amor e de alegria, presente, fraternidade e espírito de Natal. Desejo, na verdade, é que todos os dias você se ame, sem esquecer de amar o seu próximo. Que você faça loucuras de amor, sempre que desejar. Sem o medo de ser piegas, ou parecer fraco. E que estas loucuras de amor sejam por qualquer um dos seus amores, inclusive por você mesmo... e quem sabe até por quem você nem conhece! 

Não desejo que seus sonhos se realizem. Porque sonhos não se realizam passivamente... Desejo que você lute por eles, que faça um bom planejamento. E mesmo se não der certo uma vez, ou mais de uma vez, que você tenha forças pra continuar. E ainda, se você desistir deste sonho, desejo que você seja capaz de sonhar novamente outro sonho que seja.

Não desejo paz ou felicidade. E não me condene, não desejo da forma evasiva com que se deseja por aí. Porque ter paz e felicidade é uma questão de escolha. Desejo que você queira ser feliz, mesmo quando os problemas chegarem. E eles vão chegar! Não se iluda. Mas que nestes momentos você seja dotado de leveza e tranquilidade pra resolver os seus conflitos e distribuir graça e misericórdia por onde quer que você possa estar.

Desejo que você queira ser uma benção aonde estiver.
Desejo que você faça diferença de forma positiva na vida de alguém.
Desejo que você lute pelo que é correto, justo e ético.
Desejo que você ame sem medo. E diga "eu te amo" sempre que quiser...
Desejo que você seja uma pessoa boa.
Desejo que você distribua elogios sinceros, só pra fazer alguém mais feliz.
Desejo que você faça um 2016 diferente.
Desejo que você seja mais responsável pela sua própria vida.

Ah! e pra terminar, não desejo que Deus se faça presente na sua vida. Porque isto Ele também já faz. Desejo, pra finalizar, que você esteja presente com Ele, em todos os segundos da sua vida!

Feliz Natal. Feliz 2016!




quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

ZIKA-nóia

Diário de uma cearense gestante...

Vou escrever aqui para relatar aos amigos queridos o surgimento de uma nova doença entre as gestantes. A Zika-nóia.

Esta doença tem acometido 100% da população de mulheres gestantes do Norte e Nordeste, e há previsão de se espalhar para as demais regiões do país neste verão. Há também a probabilidade de ser diagnosticada também em qualquer mulher em idade fértil.

Seus dez principais sintomas são:

1 - Pânico de zumbido, água parada e matagal;
2 - Mãos inchadas (pensa que matar muriçoca é fácil?);
3 - Sudorese (explicada por causa das vestimentas adequadas para o verão. Normalmente composta por jeans grosso, camisas de mangas longas, meias...); Pra mim seria mais apropriado sair de burca por cima, pra completar o look.
4 - Automedicação com o uso de repelentes... na verdade, mais apropriado seria dizer que esta criatura vive lambuzada de creme anti-mosquito;
5 - Compulsão por leitura por todas as notícias sobre microcefalia;
6 - Ideias infalíveis para repelentes naturais;
7 - Compulsão por ultrassom gestacional;
8 - Vontade de chorar quando vê muriçoca, mesmo que pela TV;
9 - Confinamento domiciliar;
10 - Abuso de preto com poá branco (qualquer semelhança é mera semelhança mesmo).

Admito pra vocês que estou sofrendo deste mal, que deve passar quando a minha bebê nascer.
Antes da Zika-nóia a minha visão era aguçada para detectar baratas em qualquer lugar, agora recebeu um upgrade...

Meu lema tem sido: mosquito bom é mosquito morto, bem mortinho, esmagado, papocado, eletrocutado, queimado, envenenado...